sábado, 4 de abril de 2009



Meu olhar vagabundo
De cachorro vadio
Olhava a pintada
E ela estava no cio
E era um cão vagabundo
E uma onça pintada
Se amando na praça
Como os animais...


Uma moça bonita
De olhar agateado
Deixou em pedaços
O meu coração
Uma onça pintada
E seu tiro certeiro
Deixou os meus nervos
De aço no chão...

Foi mistério e segredo
E muito mais
Foi divino brinquedo
E muito mais
Se amar como
Dois animais...



(Como Dois Animais - Alceu Valença)

4 comentários:

Maria disse...

A imagem está linda. Já a música...é velha paixão minha! Cantando: foi mistério e segredo, e muito mais...

Meu beijo

Lari. disse...

A imagem está linda mesmo. E tudo deixa a paixão da carne tão bonita, tão desejável!
=D

Olavo disse...

Passando para desejar uma ótima quarta..
Ainda não estou podendo ler os blogs amigos
Minha conexão aqui é ruim...mas volto para ler
Com mais atenção..
Beijão

Poeta Mauro Rocha disse...

Ola! Passei apenas para desejar uma Feliz Páscoa.